2 de janeiro de 2010

DE RENÉ DESCARTES

Não é a beleza, mas sim a humanidade o objetivo da literatura. 


Nenhum comentário: